Publicidade
Publicidade

Jornal Caderno Jurídico

HISTÓRIA

Criado com a finalidade de ser um suplemento bimestral do Coluna D’Oeste, tradicional jornal semanal de Palotina, Oeste do Paraná, o Caderno Jurídico teve sua primeira edição em junho de 2006. Levou o nome de Caderno Jurídico Região Sul. Encartado no jornal Coluna, começou a se expandir nas regiões de Toledo e Cascavel, circulando de forma assídua nos escritórios de advocacia, fóruns, faculdades de Direito e outros órgãos públicos jurídicos.

A interpretação precisa das leis, a opinião política forte e certeira e a análise do mundo jurídico do jeito claro levou o Caderno Jurídico a ampliar sua edição e circulação, sendo desmembrado do Coluna. Vida própria ao jornal que despontava como o melhor tabloide jurídico do Paraná.

A retórica de fácil assimilação e o texto de olho clínico que conduz ao outro lado da notícia trouxeram ao jornal renomados juristas e doutrinadores nacionais. Luiz Flávio Gomes, fundador da rede de ensino LFG e William Douglas, o "Guru dos Concursos", enriquecem as linhas do impresso e do online há 11 anos. Valerio Mazzuoli é outro grande jurista que faz parte do time desde a primeira edição. Citando essas três brilhantes mentes, o Caderno Jurídico se mostra lisonjeado e orgulhoso com o grupo de juristas que hoje produz um dos melhores conteúdos jurídicos científicos, opinativos e de concursos públicos. Só espiar www.cadernojuridico.com.br/colunistas.

O público do Caderno Jurídico é composto por advogados, bacharéis, juízes, policiais, promotores, procuradores, estudantes, jornalistas, professores, cartorários, demais operadores do Direito, empresários e leitores em geral. A classe dos contadores também é grande apreciadora e assinante fiel. O Jurídico é editado por jornalistas com larga experiência nas mais conceituadas publicações, que zelam pela fidelidade das informações veiculadas, porque, segundo o jornalista brasileiro Cláudio Abramo (1923/1987), “o jornalismo é, antes de tudo e sobretudo, a prática diária da inteligência e o exercício cotidiano do caráter”. E conforme o jornalista americano William Randolph Hearst (1863/1951), “jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique. Todo o resto é publicidade.”

Em 2012 o jornal se transferiu para Umuarama, importante cidade do Noroeste paranaense com 109 mil habitantes (IBGE/2016). Ganhou mais páginas e entre os destaques da vinda ao Noroeste do Estado está a coluna Espaço Acadêmico. O Caderno Jurídico puxou os estudantes para dentro do jornal, criando um formidável e inovador elo de ligação entre o meio acadêmico e uma nova forma de produzir jornalismo especializado e independente.

Escreva para a Redação no contato@cadernojuridico.com.br.

 

"Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores. Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas, e segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a paciência, a mansidão." (Timóteo 6:10,11)

APOIADORES

Publicidade
  • Pós-graduação Alfa Umuarama